quarta-feira, novembro 17, 2010

Velha história

A todo o momento estive aqui,
Esperando você cair pra te segurar,
Esperando você chorar pra te abraçar.
Você me paga assim.
Seus lábios no daquele troglodita,
Você me paga assim...
Amanhã posso não mais estar de braços abertos.
Amanhã posso não querer você por perto.

Nenhum comentário: